Promessa do Corinthians acerta com clube inglês

vitinho_com_a_camisa_do_manchester_city_durante_le

O Corinthians e o Manchester City chegaram a um acordo a respeito do jogador Victor Moura, o Vitinho, de apenas 15 anos. Segundo a imprensa daquele país, os clubes acertaram a preferência de compra por parte do clube inglês. Dependendo do desempenho e desenvolvimento do atleta, ele se apresentará ao City em 2018, quando completar os 18 anos.

A relação entre as partes se estreitou nos últimos meses. Após monitorarem a joia corintiana, os europeus decidiram convidar o garoto para um período de estágio na Inglaterra. Para isso, procuraram a diretoria do Corinthians e ofereceram a possibilidade de um dirigente do clube acompanhar o atleta. A cúpula alvinegra aprovou a ideia. O jogador passou 10 dias no país, período no qual o jogador participou de treinos e de um amistoso contra o Newcasttle, no qual atuou por 45 minutos e fez um gol.

O jogador já retornou ao país e também balançou as redes por aqui, garantindo a classificação do Corinthians para a fase final do Campeonato Paulista Sub-15. O Timão, que precisava de um empate para assegurar sua classificação, derrotou o Amparo, por 3 a 0, em casa, e seguiu adiante. Esse foi o décimo gol de Vitinho na competição. Ele é o artilheiro corintiano no torneio até aqui.

O adversário nas quartas é o São Paulo e o primeiro jogo ocorreu no sábado,  na Fazendinha. O primeiro tempo foi bastante disputado, sem grandes chances para ambos os lados. A melhor oportunidade foi alvinegra, com o atacante Alberto, que recebeu bom passe de Vitinho e finalizou com perigo, obrigando o goleiro do São Paulo a fazer linda defesa.

Já na segunda etapa, o meia Alisson fez boa jogada individual, chutou da entrada da área e quase abriu o placar para o Timão. Sabendo da necessidade do resultado positivo jogando em casa, a equipe do técnico Ricardo Severo se lançou ao ataque, criando diversas oportunidades e chegou a marcar o gol com o lateral Lucas, mas em posição irregular.

Mesmo criando as melhores chances, o Corinthians não saiu do 0 a 0 com o rival, e disputa na semana que vem a grande decisão. O jogo de volta será nesse sábado, às 9 horas, no CT Laudo Natel, em Cotia.

Tottenham prepara proposta para Alexandre Pato

Pato e Andrés em encontro com Kia e Bertolucci

Pato e Andrés em encontro com Kia e Bertolucci

Os rumores em torno da volta do jogador Alexandre Pato ao futebol europeu não são novos, principalmente após o São Paulo Futebol Clube, em grave crise financeira e política, confirmar que não tentará a permanência do jogador. Entretanto, uma das notícias mais esperadas pela torcida do Corinthians está bem mais próxima de se tornar realidade. Informações que circulam entre membros do alto clero do Parque São Jorge dão conta da chegada, já no começo do mês de novembro, de uma proposta oficial pelo atacante.

Nos bastidores corintianos um grande alívio pode ser visto, diante do sucesso da reunião entre o atacante; o empresário iraniano Kia Joorabchian (ex-gestor da MSI, antiga parceira do Corinthians); o sócio dele Giuliano Bertolucci; e o ex-presidente do clube, Andrés Sanchez, em uma pizzaria na capital paulista. No encontro, que serviu em um primeiro momento para diminuir as faiscas que pairavam entre membros do clube e Pato, também foi apresentada ao atacante a intenção oficial do Tottenham em contar com os seus serviços na próxima janela de transferência.

Consultado sobre a possibilidade de jogar na Barclays Premier League, Pato deu o aval para que Kia, com bom trânsito na Inglaterra, seguisse as negociações com os Spurs, fato que animou os presentes, já que havia o receio de uma recusa por parte do jogador por não se tratar de um dos principais clubes daquele país.

Para conseguir um valor próximo aos R$ 41 milhões que o clube pagou para tirá-lo do Milan no fim de 2012, também ficou acertado entre as partes, a pedido do iraniano, o fim do tiroteio público entre membros do clube e o jogador. A operação para valorizar o atacante foi deflagrada, na semana passada, pelo presidente do clube, Roberto de Andrade, que, em declaração pública, amenizou a questão. “É uma bobagem criar desgaste em uma relação que tem vínculo contratual. Todo mundo tem que pensar melhor, não vamos desvalorizar o que é nosso. Ele busca o que é melhor pra ele, nós buscamos o que é melhor pra nós. Se puder juntar as vontades, melhor”, declarou.